FALE CONNOSCO!

Este espaço foi criado a propósito dos Serviços Rodoviários Alternativos ao Ramal da Lousã.
[A METRO MONDEGO reserva-se o direito de subtrair os comentários ofensivos ou inadequados e adverte que não se responsabiliza pelos conteúdos colocados por terceiros]


quarta-feira, 24 de março de 2010

Decorre de 01 a 30 de Abril o questionário de avaliação da satisfação dos clientes dos Serviços Alternativos













 




Os utilizadores dos serviços alternativos do Ramal da Lousã poderão responder ao questionário e entregá-lo entre 01 e 30 de Abril nas bilheteiras de Miranda do Corvo, Coimbra Parque e São José. Caso a entrega seja feita no Espaço Metro entre 01 e 20 de Abril, será oferecida uma mochila da Metro Mondego.

Aceda ao questionário a partir do site institucional da Metro Mondego.


5 comentários:

  1. pode-se levar bicicletas nos autocarros, sendo o serviço assegurado pela cp?

    ResponderEliminar
  2. Devido à capacidade limitada das bagageiras, não é possível transportar bicicletas nos autocarros afectos aos serviços alternativos. Obrigado.

    ResponderEliminar
  3. É inadmissível como é que já perdi o autocarro por várias vezes devido aos motoristas chegarem 5 , 6 minutos antes da hora à paragem. Ainda que chegassem atrasados mas agora adiantados não pode acontecer. Não têm nada que seguir viagem sem estar na hora dos horários. É uma incompetência completa por parte da Metro Mondego. Há que alterar isto o mais rápido possível. Penso que se se despacham numa determinada paragem devem fazer tempo na seguinte pois ir embora antes da hora é que não ! Obrigado.

    ResponderEliminar
  4. Pois, e também é vergonho, extremamente vergonhoso, o facto de os autocarros irem acabar. Não há nem metro nem autocarro. Gostam constantemente de brincar com a vida das pessoas. Eu não sei o que vai ser dos estudantes que vão estudar para Coimbra. Enfim... do povo Português, já tudo se espera.

    ResponderEliminar
  5. Deviam de ter vergonha de ainda circular a camioneta ás 6 da manhã, completamnte gelada e a cair chuva em cima dos passageiros. Não se justifica, é uma falta de respeito pelas pessoas. Somos pessoas e não animais.

    ResponderEliminar